segunda-feira, 20 de agosto de 2007

Porque ninguém liga pra ele?

Imagine esta cena... Você está na fila de um banco para pagar uma conta no valor de R$ 147,97. Quando chega sua vez, você entrega três cédulas de R$ 50,00 e recebe de troco R$ 2,00. E os três centavos? O caixa não devolveu e você também não cobrou... Raramente, o funcionário da instituição bancária devolve cinco centavos e se você for pagar sua conta faltando os mesmos três centavos, muito provavelmente, não conseguirá quitá-la.

No comércio este fato não é diferente... Ou melhor, às vezes recebemos uma "balinha" de troco, mas nenhum comerciante aceita o pagamento com balas. Aceita?

Esta nossa desleixada atitude é, até certo ponto, compreensível porque existe uma cultura no Brasil de que as moedas não têm valor algum em função, especialmente, de décadas com inflação estratosférica. Entretanto, desde o Plano Real, com a economia estabilizada e o dinheiro tendo seu devido valor, as moedas continuam sendo deixadas de lado e as de R$ 0,01, nem se fale!

Queremos fazer você refletir num ponto. Lembra do dito popular: “De grão em grão a galinha enche o papo”. Pois é, onde você acha que vai parar este mundo de centavos? Sim, deve ser uma pequena fortuna em razão da quantidade de recebimentos que os caixas dos bancos e do comércio realizam todos os dias no país e acabam não entregando o troco correto.

É verdade. Por algumas poucas vezes o caixa não nos cobrar alguns míseros centavos... Mas, pode ter certeza, ao final do dia, sem sombra de dúvida, vai sobrar uma boa quantia no bolso do banqueiro ou do comerciante.

Quer fazer um teste? Durante os próximos 30 dias EXIJA seus centavos de troco e guarde em local seguro. Quando completar o mês, confira quanto você economizou.

Nos ajude a fazer com que nossos centavos sejam tão queridos e desejados quanto os cents lá nos Estados Unidos.

7 comentários:

Anônimo disse...

Só faltou dizer aonde o comerciante vai arrumar moedas de 1 centavo, estas são mais raras que nota de 100 reais.

Anônimo disse...

"De grão em grão... a galinha morre de fome!"

Coletor de R¢1 disse...

Concordo plenamente! Eu, por um exemplo, sempre exijo moedas de R¢1
E você, sr. anônimo, tenho muitas moedas de R¢1 guardadas! Será que com seu toque elas viram de R$100?
E de grão em grão...a galinha vive melhor que qualquer um!!!!

Anônimo disse...

http://www.donkeymails.com/pages/index.php?refid=megan

Pensante disse...

Vamos raciocinar juntos: Um Supermercado em Porto Alegre, recebe em média 800/1.000 clientes por dia, conforme informações que apurei de sua gerência. É comum os Caixas arredondarem a conta à favor do Supermercado, na razão de R$ 0,02 a 0,03 por cliente. Façam o cálculo do "lucro" diário, multipliquem por 30 dias, acrescentem 12 meses e vejam o absurdo. Eu exijo os meus centavos ou que se arredonde a favor do consumidor. Detalhe: não aceito balas ou outro produto que não seja dinheiro.

naldo disse...

Concordo ...devemos exigir o troco
No livro Investimentos - Como Administrar Melhor O Seu Dinheiro fala um pouco sobre essas questões
e estou vendendo inclusive expus no meu blog

Jaqueline disse...

CLIQUE AQUI